Probióticos para um sistema digestivo saudável

Os seres humanos são um universo vivo composto por milhões de seres (células) que, associados, constituem as partes e processos do corpo. Além disso, desde seu processo evolutivo original, o corpo humano contém uma colônia extra de organismos (flora bacteriana e intestinal) com a qual convive em harmonia, se houver equilíbrio nos processos metabólicos. Escreva Pablo Rego.

c Pode Estocar Foto / FotoEuphoria
c Pode Estocar Foto / FotoEuphoria

Em um estado ideal de saúde, as colônias de microrganismos que normalmente habitam nosso corpo (bactérias, vírus, fungos e protozoários) coexistem em harmonia, autorregulando e ajudando os processos naturais do corpo, como digestão ou remoção de material excedente que o corpo não pode metabolizar.

O Probióticos são alimentos constituídos por bactérias ou fungos "bons" (ou ambos) que favorecem o equilíbrio dessas colônias que nos ajudam a realizar os processos de absorção de nutrientes e eliminação de hidratos e excesso de açúcares, prevenindo também o desenvolvimento de outras bactérias ou fungos "ruins" ou prejudiciais ao corpo humano.

Desequilíbrios

Existem alguns fatores que quebram essa harmonia produzindo doenças típicas que podem ser revertidas com a restituição desses microrganismos perdidos. A má alimentação ou o uso de drogas podem remover grande parte desses microrganismos benéficos do nosso corpo, causando diarreia, inflamação intestinal crônica, síndrome do cólon irritável e até doenças graves, como o câncer.

A falta de alguns dos elementos necessários para esses organismos viverem é devido a hábitos opostos à natureza humana. O consumo excessivo de alimentos industrializados, farinha branca ou açúcar refinanciados, o excesso de carne industrializada e leite, e a falta de consumo de vegetais, leguminosas ou frutas criam no organismo uma equação que desequilibra a harmonia da colônia bacteriana.

Manter o equilíbrio com probióticos

Para restaurar esse equilíbrio existem os chamados Probióticos que não são nada além de alimentos que contêm microrganismos "bons" que quando consumidos são instalados no intestino se re-tornando parte da flora intestinal e recuperando o número de membros necessários para que nosso corpo possa realizar seus processos de forma ideal.

Os probióticos são consumidos naturalmente na comida há séculos. Um dos meios de recipientes desses seres benéficos é o Iogurte (natural, muito melhor) do que os hindus consomem desde tempos imemoriais e a Ayurveda Medicine recomenda em diferentes doses restaurar todos os tipos de equilíbrio físico.

O Kefir é um alimento que começou a se tornar mais unificado e também tem essas características. É usado para fermentar leite, como com iogurte, ou seus grânulos podem ser usados para preparar um "água kefir" usando a água como meio. Este também é um produto muito antigo descoberto na região do Cáucaso, usado desde tempos imemoriais para manter a saúde.

Outro alimento cujo consumo pode ser benéfico é Levedura. Esses organismos utilizados para a produção de alimentos fermentados podem ser consumidos diretamente para promover a saúde da flora intestinal, pois são importantes para sua capacidade de quebrar o excesso de açúcares ou carboidratos no organismo.

Para ser levado em conta

Esses preparativos, em muitos casos, podem ser adquiridos em lojas. A produção de iogurtes ou preparações industriais com kefir ou leveduras é bastante desenvolvida. É sempre aconselhável utilizar esses produtos de origem artesanal, uma vez que são seres vivos que é melhor obter de cuidadores dedicados evitando, sempre que possível, a contradição do uso de produtos criados pelas mesmas indústrias que nos levam a desequilibrar nosso organismo.

Embora a ideia de que os probióticos só se reproduzem no leite tenha sido disseminada, há formas de consumi-los em água (como kefir) ou em grânulos ou pó dissolvidos também na água (como a levedura), evitando o conflito da intolerância à lactose.

Esses alimentos que trazem grandes benefícios têm sua própria maneira de colonizar e evoluir em cada organismo. Há pessoas que naturalmente aceitam seu consumo sem qualquer tipo de dano e outras que podem ser um pouco desarmadas. Em todos os casos recomenda-se observar e cuidar dos efeitos que os probióticos podem causar no corpo.

Algumas das doenças que podem ser tratadas com probióticos:

  • Constipação
  • Gases
  • Inchaço abdominal
  • Eliminação de toxinas acumuladas e outros materiais residuais dos intestinos melhorando consideravelmente as sensações
  • Diarréia
  • Crônica, infecciosa, causada por rotavírus ou ingestão de antibióticos.
  • Úlceras
  • Gastrite
  • Condições para diferentes tipos de câncer se desenvolverem
  • Inflamação intestinal
  • Síndrome do cólon irritável

Um número significativo de estudos estão sendo conduzidos sobre o papel da flora intestinal em doenças neurodegenerativas, como Alzheimer ou Parkinson. A exploração dessa relação está ganhando força e a ciência está sendo autorizada a avançar nessa direção investigativa com resultados surpreendentes, reafirmando a importância de cuidar e manter o equilíbrio desse reino natural do nosso corpo.

Pablo Rego. Professor de yoga. Massagista-holística terapeuta. Diploma em Medicina Ayurveda da Índia.

http://yogasinfronteras.blogspot.com

Outros artigos sobre
Por • 24 Nov, 2016 • Sección: Assinaturas